Classes Reconhecidas - Classicos

Desenho e planta e lateral dos Barcos Classicos



Documentos Técnicos da Classe Barcos Classicos:
Estatuto da Classe

Classe dos Barcos Clássicos - Site:
Clássicos (ABVO): www.abvo.org.br

Súmulas Campeonatos Estaduais:
Estadual - 2017 a 2018 - não foram realizados

Hall da Fama - Campeões Estaduais

Clássicos - Definição: De acordo com a ABVClass/ABVO, os barcos no Brasil classificados como Clássicos, na verdade são divididos em 3 grupos, inspirados no “Comitê Internacional do Mediterrâneo” (CIM) da seguinte forma:
- Barcos de Época
- Barcos Clássicos
- Barcos Antigos
A definição dessas três categorias são baseadas na Regra CIM com adaptações no Brasil onde a Regra BRA-RGS está sendo aplicada objetivando um maior número de barcos por categoria. A classe de Veleiros de Oceano Clássicos se aplica somente a veleiros monocascos, onde o principal meio de propulsão é a vela.

Barcos de Época
São definidos como tendo o casco construído em madeira ou metal, e que tenham sido lançado antes de 31 de Dezembro de 1949. Os barcos cujos projetos são posteriores s 1º de Janeiro de 1946 e anteriores a 31 de Dezembro de 1949, e que tenham sido lançados antes de 31 de Dezembro de 1952, podem ser classificados como barcos de Época, após a aprovação da Comissão Técnica da ABVClass/ABVO, que emitirá o certificado correspondente. Barcos Réplica de Época são barcos que foram construídos com projetos até 31 de Dezembro de 1949, e com métodos e técnicas que se adequem aos materiais da época. Estes casos, serão analisados individualmente pela Comissão Técnica da ABVClass/ABVO

Barcos Clássicos
São definidos como tendo o casco construído em madeira, ou metal, obedecendo os planos originais e que foram lançados entre 1º de Janeiro de 1950 até 31 de Dezembro de 1975. Barcos de fibra de vidro lançados neste período poderão ser enquadrados aqui no Brasil, como Clássicos após aprovação da Comissão Técnica da ABVClass/ABVO. Barcos construídos em série, não são admitidos como barcos Clássicos, a menos que tenham sido construídos por um único estaleiro, sob licença exclusiva, com só um jogo de moldes e por isso intercambiáveis de um exemplar para o outro. Barcos lançados neste período, mas construídos com madeira laminada, alumínio, sanduíche de balsa e (ou) espuma de PVC e Strip Planking, pelo método West System, não se enquadram como Clássicos, e sim como Antigos. Barcos Clássicos Réplicas são barcos que, independente do seu lançamento, foram construídos com projetos anteriores a 31 de Dezembro de 1975, em que foram usados materiais e processos de construção da época. Os enquadramento destes barcos, será analisado individualmente pela Comissão Técnica da ABVClass/ABVO.

Barcos Antigos
São barcos construídos posteriormente a 1 de Janeiro de 1976 e com idade mínima de 30 anos de lançamento, (e não de projeto), podendo ter seus cascos construídos em qualquer material. Trinta anos de lançamento, entende-se como 30 anos antes do ano em vigor da temporada atual. Exemplo para a temporada 2014, são considerados antigos, barcos lançados até 31 de Dezembro de 1984.

Especificações:
Projetista: varios
Material do casco: Madeira ou Fibra
Projetado no ano: anterior a 1975
Comprimento do casco: varios
Boca: varios
Calado: varios
Deslocamento: varios
Área vélica (100%) varios

Avisos

SOBRE

FEVERJ - Federação de Vela do Estado do Rio de Janeiro é a única entidade esportiva autorizada a organizar e realizar regatas e enventos náuticos no estado do Rio de Janeiro.
© 2019 FEVERJ - Federação de Vela do Estado do Rio de Janeiro